Bem Viver na TV: Como a indústria de alimentos influencia o

0
584

Esta edição do programa Bem Viver, produzido pelo Brasil de Fato, traz no quadro especial sobre eleições o Dossiê Big Food: Como a indústria interfere em políticas de alimentação, produzido pela ACT e pelo Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), que mostra como a indústria de alimentos no Brasil exerce cada vez mais influência políticas, social e até intelectual em decisões que impactam diretamente a saúde da população.

O documento mostra que, em 2014, 57% dos deputados e 48% dos senadores eleitos receberam dinheiro do setor, composto por grande conglomerados de utraprocessados, multinacionais das bebidas açucaradas e fabricantes de toda a sorte de produtos que distanciam consumidores e consumidoras da alimentação in natura.

Atualmente, o cenário pode ser ainda pior. Segundo Marília Albieiro, engenheira e coordenadora do projeto Alimentação da ACT Promoção da Saúde, os dados de hoje são escassos, mas é possível ter uma ideia da abrangência dessa indústria na análise de informações sobre o crescimento do setor nos últimos anos.

“Em 2007, o tamanho do faturamento da indústria de alimentos, das dez maiores, era de R$ 61 bilhões. Elas representavam apenas 27% de toda a cadeia alimentícia. Passados 12 anos, em 2019, esse número passou para R$ 532 bilhões e houve uma concentração de poder. Hoje eu tenho as dez maiores empresas representando 75% (de toda a cadeia alimentícia). Ou seja, o setor cresceu e se concentrou. Não tem jeito, concentração de poder econômico resulta em interferência no poder político.”

Laís Amaral, nutricionista e supervisora técnica do Programa de Alimentação do Idec, afirma que a teia de influências da indústria dos alimentos é complexa e articulada.

“Acaba abraçando todas as áreas para poder, de fato, ter uma influência completa em relação a essas políticas. O próprio conceito de alimentação saudável, muitas vezes, tem a interferência da indústria.”

E tem mais… 

Enquanto o leite está cada vez mais caro no país, o Momento Agroecológico mostra que é possível produzir o alimento de forma mais saudável e acessível, a partir da experiência de uma agroindústria do leite, que está melhorando a vida de pequenos produtores no Ceará. 

O Mosaico Cultural celebra o Dia do Cerrado, 21 de setembro, com um livro sobre os povos tradicionais que vivem e lutam pela preservação do bioma. 

O programa traz também o debate do racismo religioso, que tem ganhado as manchetes do período eleitoral. O quadro Entrevista é com o antropólogo Rafael Soares de Oliveira, que faz parte da Koinonia, uma entidade ecumênica que luta contra o racismo religioso há vinte e oito anos.

Comida de Verdade

No Comida de Verdade, Letícia Massula, do Blog Cozinha da Matilde, ensina a receita de frigideira portuqguesa com sardinha e ovos. Confira o passo a passo:

Ingredientes – 4 porções 

1 lata de sardinha

4 ovos

4 tomates em cubinhos

½ xícara (chá) de folhas de salsinha 

2 colheres de talos de salsinha laminados

1 pimenta dedo de moça em lâminas finas

1 cebola em meia rodela bem fina

2 dentes de alho em lâminas finas

Azeite, sal e pimenta moída na hora

Modo de preparo:

Sue a cebola e os talos de salsinha no azeite com uma pitada de sal, junte as lâminas de alho e sue também.

Junte o tomate em cubinhos, mexa bem, junte meia xícara de água, tampe a panela para que cozinhe e comece a desmanchar.

Ajuste o sal. Disponha os filés de sardinha formando uma flor. Entre cada sardinha quebre um ovo. Polvilhe os ovos com sal e pimenta do reino.

Abaixe o fogo e tampe a panela, deixe cozinhar até o ponto da sua preferência (5 minutos para ovos moles).

Polvilhe com as folhas de salsinha e a pimenta, apague o fogo e deixe a panela descansar 2 minutos tampada antes de servir.

Onde assistir 

Nas redes sociais do Brasil de Fato (Facebook e YouTube); na TVT, no canal 44.1 – sinal digital HD aberto na Grande São Paulo e canal 512 NET HD-ABC; na TVCom Maceió, no canal 12 da NET; na TV Floripa, também no canal 12 da NET; na TVU (Universitária) Recife no canal 40 UHF digital e na TVE Bahia, no canal 30 (7.1 no aparelho) do sinal digital. 

Quando

Na TVT: sábado às 13h30; com reprise domingo às 6h30 e terça-feira às 20h. 

Na TVCom: sábados às 10h30, com reprise domingo às 10h. 

Na TVU Recife: sábados às 12h30, com reprise terça-feira às 21h. 

Na TVE Bahia: sábado às 12h30, com reprise quinta-feira às 7h30. 

Sintonize 

No rádio, o programa Bem Viver vai ao ar de segunda a sexta-feira, das 11h às 12h, com reprise aos domingos, às 10h, na Rádio Brasil Atual. A sintonia é 98,9 FM na Grande São Paulo e 93,3 FM na Baixada Santista. 

O programa também é transmitido pela Rádio Brasil de Fato, das 11h às 12h, de segunda a sexta-feira. O programa Bem Viver também está nas plataformas Spotify, Google Podcasts, Itunes, Pocket Casts e Deezer. 

Assim como os demais conteúdos, o Brasil de Fato disponibiliza o programa Bem Viver de forma gratuita para rádios comunitárias, rádios-poste e outras emissoras que manifestarem interesse em veicular o conteúdo. Para fazer parte da nossa lista de distribuição, entre em contato pelo e-mail: [email protected]

Edição: Marina Duarte de Souza

Receba atualizações por e-mail!

Cadastre-se agora e receba um e-mail assim que for publicado um novo conteúdo.

Nunca enviamos SPAM. Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui