Censura: militantes presos por estender faixa crítica ao Bolsonaro

0
152
Faixa com a charge e a frase
Foto: Reprodução rede social.

Nesta quinta-feira (18), cinco militantes do PT foram detidos pela polícia por estender uma faixa na Praça dos Três Poderes com a charge do cartunista Renato Aroeira e a expressão “Bolsonaro Genocida”. No período da tarde os militantes, entre eles Rodrigo Pilha e Guilherme Martins, prestam depoimento à Polícia Federal.

O deputado federal Alencar Braga (PT-SP) acompanha os militantes e informou em suas redes sociais que o delegado que está tomando os depoimentos ainda não fez nenhum tipo de enquadramento. Segundo o deputado, a expectativa é de que os militantes petistas sejam soltos ainda hoje.

A charge presente na faixa já foi amplamente divulgada em diversos veículos de comunicação e em redes sociais, mas não havia sofrido censura até então.

O ato é demonstrativo da escalada autoritária do governo Bolsonaro, sendo mais um recorrente episódio de censura a seus críticos.

Receba atualizações por e-mail!

Cadastre-se agora e receba um e-mail assim que for publicado um novo conteúdo.

Nunca enviamos SPAM. Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui