Corrida da vacina: Fiocruz anuncia compra de vacina de Oxford contra a Covid-19

0
86
Imagem: IREKIA / EUROPA PRESS

Após a Fiocruz ter anunciado que pretende comprar 2 milhões de doses prontas da vacina da AstraZeneca/Oxford, gestores estaduais de saúde acreditam que o governo federal e o governo de São Paulo irão começar uma corrida para ver quem vai iniciar o plano de vacinação em massa por primeiro. Acredita-se que o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, irá antecipar os cronogramas para sair na frente do governo de São Paulo, que prevê o início da imunização em 25 de janeiro.

Nesta segunda (04), espera-se que Pazuello anuncie o início da vacinação da população. A pressão sobre o ministro, que já era grande, aumentou após o início da imunização da população da Argentina. Além disso, o governo tenta dar o seu “jeitinho brasileiro” e avalia a possibilidade de alcançar proteção com apenas uma dose da vacina.

De acordo com Jean Gorinchteyn, secretário de Saúde de São Paulo, “A disputa é pela vida, o que queremos é vacinar”. O objetivo do secretário é enviar, para a Anvisa, a solicitação de uso emergencial da CoronaVac ainda nesta semana. A Fiocruz também trabalha nesta perspectiva de prazos.

Receba atualizações por e-mail!

Cadastre-se agora e receba um e-mail assim que for publicado um novo conteúdo.

Nunca enviamos SPAM. Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui