Google terá de retirar do ar fake news de Russomano contra Boulos

0
154

A Justiça Eleitoral determinou que o Google retire do ar, de imediato, o vídeo com falsidades que serviu de base a Russomano atacar Boulos em debate.
Trata-se de um material produzido pelo blogueiro arquibolsonarista Oswaldo Eustáquio, que já esteve preso por esse tipo de atividade.
Há multa diária para o caso de descumprimento. O juiz eleitoral Emílio Migliano disse na decisão que sequer “encontra lastro nem sequer em indícios” de verdade na aludida matéria.

Opinião:

O desespero dos candidatos que despencam nas pesquisas enquanto o pleito se aproxima é proverbial, e tentar usar algo bombástico nesse momento é bem compreensível. Agora, o que o candidato bolsonarista Russomano tentou usando material produzido por outro bolsonarista apenas o expôs ao ridículo, só torna ainda mais lastimável sua carreira pública, que mais parece um desfile de opróbrios.

A candidatura Boulos-Erundina só cresce e tem agora chances reais de disputar o segundo turno. A distância para o primeiro colocado é enorme e há chances reais de não haver segundo turno. Contudo, em havendo, é sempre um novo pleito e aí tudo pode acontecer.

Erundina fez um trabalho memorável como prefeita de São Paulo e Boulos é uma das maiores esperanças do espectro progressista da ideologia política brasileira de hoje.
Já o caluniador, que construiu seu caminho escrachando caixas de mercado e afins, é vezeiro e nada tem acrescentado à vida pública brasileira.

Fonte: Campanha de combate à desinformação do Conselho Nacional de Justiça (2019)

Receba atualizações por e-mail!

Cadastre-se agora e receba um e-mail assim que for publicado um novo conteúdo.

Nunca enviamos SPAM. Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui