Pastores evangélicos brasileiros da Igreja Universal recebem ordem de expulsão de Angola

0
191
Templo de Salomão da Igreja Universal.
Foto: Diculgação.

Um grupo de sete pastores evangélicos brasileiros da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) em Angola foi notificado, na quinta-feira (08/04) à tarde, pelos Serviços de Migração e Estrangeiros (SME), para abandonar Angola no prazo de 15 dias. Religiosos confirmam e dizem se tratar de perseguição da Comissão de Reforma angolana.

A diretora de comunicação da ala brasileira da IURD em Angola sublinha que, na terça-feira (06/04), um grupo de pastores brasileiros foi notificado para comparecer aos Serviços de Migração e Estrangeiros, mas já no local, os missionários foram surpreendidos com uma nota de ordem de expulsão do país.

Segundo Ivone Teixeira, a ordem, que resulta no cumprimento da resposta de uma nota da Comissão de Reforma, na qual se solicita a deportação de todos os missionários brasileiros, abrange também os familiares dos respectivos pastores.

Leia mais em Opera Mundi.

Receba atualizações por e-mail!

Cadastre-se agora e receba um e-mail assim que for publicado um novo conteúdo.

Nunca enviamos SPAM. Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui