Petrobrás vai vender refinaria na Bahia a empresa dos Emirados Árabes

0
262
Foi aceita pela Petrobrás a proposta da empresa Mubadala Capital para comprar a refinaria Landulpho Alves (RLAM), na Bahia.
Foto: Geraldo Kosinski / Agência Petrobras

Foi aceita pela Petrobrás a proposta da empresa Mubadala Capital para comprar a refinaria Landulpho Alves (RLAM), na Bahia. A negociação fechou no valor de US$ 1,65 bilhão, cerca de R$ 8,9 bilhões pelo parque de refino e seus ativos logísticos.

Para finalizar a venda, órgãos fiscalizadores devem aprovar o contrato.

No Paraná, a venda da Refinaria Presidente Getúlio Vargas (Repar) não foi concluída, já que todas as ofertas não foram consideradas suficientes pela Petrobrás. Por conta disso, ocorrerá a abertura de um novo processo.

A empresa brasileira ainda espera a conclusão de diversas refinarias, tais como a Alberto Pasqualini (Refap), no Rio Grande do Sul; Isaac Sabbá (Reman), no Amazonas; Abreu e Lima (RNEST), em Pernambuco; Gabriel Passos (Regap), em Minas Gerais; da Lubrificantes e Derivados de Petróleo do Nordeste (Lubnor), no Ceará; e da Unidade de Industrialização do Xisto (SIX), no Paraná

Receba atualizações por e-mail!

Cadastre-se agora e receba um e-mail assim que for publicado um novo conteúdo.

Nunca enviamos SPAM. Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui