Presidente argentino responsabiliza a polícia da capital por violência durante velório de Maradora

0
108
Soccer fans waiting to see Diego Maradona lying in state clash with police outside the presidential palace in Buenos Aires, Argentina, Thursday, Nov. 26, 2020. The Argentine soccer great who led his country to the 1986 World Cup died Wednesday at the age of 60. (AP Photo/Marcos Brindicci) APTOPIX Argentina Maradona

 

Lá como aqui

 

[Por Pedro Carrano]

 

O velório do mito Diego Maradona reuniu milhares de pessoas na capital portenha. A multidão se agitou e houve dispersão por parte da polícia.

De acordo com o site página 12, em declarações a uma rádio, o presidente Alberto Fernández lembrou que os locais onde a população foi reprimida são da responsabilidade da segurança da cidade e sublinhou que “esta violência policial foi incompreensível”, quando disse que falou com o chefe do governo, o direitista Horacio Rodríguez Larreta.

Esse fato reforça a constatação de uma reação de direita no interior das polícias da capital, contrárias ao governo da esquerda, e que neste segundo semestre já realizaram uma greve dura buscando colocar o governo de Fernández contra

Receba atualizações por e-mail!

Cadastre-se agora e receba um e-mail assim que for publicado um novo conteúdo.

Nunca enviamos SPAM. Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui